Estou a afogar-me nos erros dos meus "antepassados"

Estou farta! Completamente farta!
Farta da pessoa em que me tornei, que me fizeram tornar! Farta de fazer tudo o que tenho feito! Eu não sou assim, então porque estou a agir da única forma que eu jamais agiria?????
Tornei-me numa pessoa snobe que só pensa em compras, dinheiro e marcas caras. Numa pessoa que magoa os outros com medo de se magoar. Numa rapariga que só trata mal quem a quer bem por medo de ser magoada outra e outra vez. Tornei-me numa rapariga medrosa, snobe, mesquinha e interesseira.
Como? Como é que me tornei na pessoa que antes eu desprezaria?
Não quero! Não quero ser assim! Não quero estar assim!
Quero voltar a ser quem era. Voltar a não me importar com quanto dinheiro as coisas custam, não me importar com a marca destes ténis ou daquela camisola. Quero voltar a pensar mais nos outros do que em mim. Esse foi o meu grande erro, mudar-me para deixar de sentir dor. Mas só piorei.
Não me quero importar com dinheiro como o resto da minha família, eu prometi isso à pessoa que neste momento deveria estar orgulhosa de mim, e que eu tenho a certeza de que não está! Eu prometi que jamais seria como o resto da minha família, que iria ter outros valores, mas não estou a conseguir, descambei à grande, e não tenho forças para voltar ao de cima. Estou a afogar-me nos erros dos meus "antepassados" e tenho medo de cair no obscuro que eles caíram.
Odeio-me. Odeio-me por ter magoado quem mais me importa e quem mais se importa comigo. Odeio-me por ter pensado em desistir de tudo alguma vez na vida. O verdadeiro "eu" jamais permitiria que eu descambasse desta maneira.
Já chorei noites a fio por me tornar nesta coisa que eu não conheço. Esta não sou eu.
Mas acabou. Tenho de mudar, não só por mim, mas principalmente pelos que sempre estiveram cá por mim.

-L


Sem comentários:

Enviar um comentário