Gosto de ti! Ou será que te amo?

Quase sete anos, quem iria pensar?
Já se passaram sete anos desde que te conheço, seis e meio que não paro de pensar em ti, e nem sei há quantos gosto de ti.
Não sei porquê, mas, a meu ver, quando começamos a gostar de alguém, não damos por isso, não sabemos o dia certo, não sabemos o mês, não sabemos nem o ano muitas vezes.
Ainda hoje me pergunto se, o que senti, ainda está presente, se ainda o sinto, e, se o que sentia, ou o que sinto, é apenas um "ah eu gosto de ti" ou se é mais um "eu amo-te". Estas duas frases têm uma distinção um tanto ou quanto profunda. Eu gosto de ti, sei que sim, mas eu gosto de tanta gente, e sinto que por ti é um pouco mais, mas, será que posso chamar a isso, amor? Acho que na realidade nunca vou saber porque, sejamos sinceros, alguma vez pensaste em mim? Alguma vez te lembraste de mim depois da última vez que nos vimos? Segundo as minhas contas, já lá vão uns dois ou três anos desde que isso aconteceu. Eu continuo a pensar em ti, e continuo a imaginar que um dia tudo vai mudar. Sonho acordada, sim, isso ainda acontece. Sonho que vamos cruzar-nos por coinsidência, num dia aleatório, na rua, e vamos-nos voltar a falar apenas por essa conincidência. Eu sei, sonho demais, mas e então? Ainda não foi proibido. Se não te posso ter por perto sem ser por sonhos, porque não? Se só iremos voltar a falar em sonhos, porque não?
Nunca te vou esquecer, eu sei que vais estar sempre presente, mas um dia vou deixar este sentimento de lado e viver o amor que me espera, amar/gostar de alguém que me merece e alguém que eu mereço. Um dia tudo isto vai deixar de fazer sentido e eu vou deixar estes anos de lado.
Mas vou ser feliz.
"Ainda significas tudo para mim,
mas tu já não vales mais a luta"
Imagem via: Google Imagens

1 comentário:

  1. Hallo ^^
    Estou a tentar divulgar o meu blog pela blogosfera, sei que é um bocadinho chato fazer isto, no entanto só assim é que podemos dar a conhecer o nosso "trabalho".
    Não peço para me seguirem só porque sim, mas sigam se gostarem e estiverem interessados/as a lerem mais de mim e do meu dia-a-dia.
    Obrigada,

    Michiyo.

    ~
    http://lino-michiyo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar