A Era Das Madrinhas

E voltamos nós à Era das madrinhas e tias e etc e tal...
Ora muito bem, isto resume-se ao facto de se ter voltado a falar que em breve serei tia [emprestada]/madrinha de uma menina (ou menino)......

Isto tem-me causado alguns pensamentos a modos que "medrosos".
Porquê? Bem, eu não sei se estou à altura, e se for para ser, que seja em grande, a melhor do mundo, de fazer inveja mesmo (talvez nem tanto).

Quando o meu priminho de (agora) 8 meses, o Baby D, nasceu, a minha tia queria que eu fosse a madrinha, depois perdeu o entusiasmo de o batizar, depois voltou a querer, e assim por diante...
Isso fez-me pensar que as pessoas em questão até podem mesmo ter razão...
Em breve posso mesmo vir a ser madrinha de uma princesa ou de um futuro CR7, versão melhorada e do benfica de preferência (nem tentes contrariar C!).

Não vou mentir, a ideia de certo modo agrada-me porque, cada vez gosto mais de crianças! Mas, e se eu não estiver à altura???

Eu só espero que estas pessoas em questão, que eu falei indirectamente neste texto, se decidam e que, de preferência, me dêem um pequeno peluche fofinho daqui a pouco mais de 2/3 anos!

1 comentário: